logo

VOCÊ ESTÁ EM HOME >

BLOG

Data de publicação: 18/05/2020

Os 4 novos DESAFIOS no mercado de ALIMENTOS

Apesar do ramo alimentício sempre apresentar altas nas vendas, mesmo em época de pandemia, por ser a comida um bem necessário, é muito importante que cada mercado entenda o comportamento do seu consumidor e esteja por dentro das novas tendências, consequências dos avanços tecnológicos e nova forma de comprar de hoje. Pensando nisso, a Appelsoft conta para você alguns dos desafios que o varejo de alimentos irá enfrentar:

1º Transformação digital

Se antes o uso da tecnologia já era importante, agora, passou a ser imprescindível no mercado, além de facilitar os trabalhos dos profissionais dentro da empresa, ajuda na otimização de processos, facilita a procura de dados e oferece uma experiência melhor aos clientes que fazem parte do seu público-alvo, como atender de forma mais rápida e interativa.

Um bom exemplo dessas tecnologias é a automação comercial, que é caracterizada por um conjunto de métodos que reduzem os procedimentos feitos manualmente, como gestão de estoque, caixa, nota fiscal, para que os funcionários ou donos da empresa foquem em outras atividades que poderão gerar mais oportunidades de venda no seu supermercado, como planejamento estratégico, comunicação, entre outras. Portanto, comece a dar valor às ferramentas digitais para não perder para concorrência!

2º Ganhar em escala

Investir em uma forma eficiente de vender suas mercadorias é um desafio para quem quer se destacar no ramo de alimentos. Os produtos oferecidos precisam ser bons aos olhos dos compradores e a experiência que terão dentro da sua loja é algo que definirá a permanência dele na intenção de elevar o nível da sua marca. Logo, foque nos demais aspectos de gestão, como entrega, estoque, não só na qualidade dos produtos e preço.

3º Reconhecer oportunidades

Conhecer melhor seu cliente, não só o que ele costuma comprar, mas como ele compra e consome é essencial para encontrar novas oportunidades no ramo de varejo de alimentos.

Pois identificando o perfil de compra e consumo, você poderá oferecer novos produtos para o seu cliente, identificar novas formas de divulgar seus produtos, como também novas maneiras de compra, como através de ferramentas digitais (whats, redes sociais, telegram) ou até mesmo por meio de uma loja virtual.

4º Estar por dentro dos ambientes digitais

O consumidor mudou, a geração Z que consiste em indivíduos que cresceram junto com a evolução da internet, traz para as empresas uma nova realidade: dos ambientes digitais.  

O novo consumidor são pessoas totalmente conectadas aos ambientes digitais, que têm enorme presença nas redes sociais e veem nos recursos interativos uma forma de melhor absorção e aprendizado. Como também de compra, uma vez que a geração z avalia de maneira minuciosa as procedências do produto e da marca que deseja comprar. Eles têm o hábito de pesquisar na web o produto antes de comprar, afim de saber mais informações e avaliações do mesmo.

Portanto, é importante que o seu estabelecimento de varejo de alimentos esteja preparado para lidar com eles. Ter um bom site, blog, já não basta mais, é preciso estar nos ambientes digitais, como nas redes sociais, instagram e facebook, conversar pelo whats, diretc, telegram.

Nesse cenário, o e-commerce é também uma grande oportunidade de expansão para o varejo de alimentos, pois além de facilitar a compra em épocas que as pessoas estão saindo menos de casa por causa da pandemia, é um meio de chegada até esse tipo de consumidor, que já está familiarizado com o meio digital, e muitas vezes, prefere comprar online do que ao vivo no mercado.

Listamos aqui diferentes desafios para o mercado de alimentos. No entanto, é interessante investir naqueles que melhor gerarão oportunidades de negócios para o seu estabelecimento, como valor a sua marca e maior fidelidade com seu cliente, ok!

Gostou dessa matéria? Então continue olhando nosso blog e redes sociais para conferir mais dicas para o seu negócio!

#useatecnologiaafavordoseunegócio

Boa vendas!