Gestão de frotas otimizada: 4 erros que você deve evitar

Data de publicação: 02/07/2018

Muitas empresas quebram a cabeça (e muitas planilhas) para encontrar formas de reduzir custos e otimizar sua operação logística. No entanto, se algum erro, mesmo que pequeno, for cometido na gestão de frotas, acaba acontecendo justamente o contrário: custos de operação encarecidos.

Não importa se a sua transportadora é grande ou pequena, se transporta carga ou passageiros, uma boa gestão de frotas deve sempre garantir a qualidade no atendimento dos usuários e evitar gastos desnecessários. Por isso, reunimos os quatro erros que você deve evitar na gestão da sua frota.

1- Não acompanhar de perto a vida útil dos pneus 

Como foi falado no nosso blog anteriormente, pneus estão entre os itens mais caros quando o assunto é manutenção de frotas. Além dos custos, os pneus influenciam diretamente a segurança de toda a operação. Sem contar que a calibragem incorreta pode causar um aumento de até 20% no consumo de combustível.


2- Não ficar atento ao pagamento de tributos e taxas

Pagamento IPVA, multas, ICMS, pedágios e outras taxas e tributos são responsabilidade do gestor. Qualquer irregularidade na documentação pode fazer o veículo ficar retido nas barreiras de fiscalização até que a documentação esteja em ordem. Atrasos como esse podem afetar a credibilidade como clientes e, em casos de mercadorias perecíveis, podem significar até a perda da carga.

Por isso que substituir a planilha de papel por um bom sistema de gestão de frotas pode fazer grande diferença, principalmente nos setores legal e financeiro de uma transportadora.  

3- Não ter controle dos gastos de combustível

O controle com os gastos de combustível é essencial para uma boa gestão de frotas. Analisando o consumo, distância percorrida e quilômetros rodados, é possível monitorar os gastos e identificar possíveis problemas.

4- Não conhecer os veículos

A partir do histórico da frota é possível verificar as manutenções feitas e os custos que cada automóvel gerou para a empresa e outros indicadores, que são essenciais para avaliar se o acompanhamento é eficiente.

Esse e outros pontos requerem atenção e devem ser levados em conta se o objetivo é otimizar a gestão da frota. Muitas vezes, na correria do dia a dia, detalhes importantes que afetam os resultados podem ser deixados de lado. Um grande aliado dos gestores de transportadoras pode ser a tecnologia, como o sistema de gestão Frota Certa. Com ele é possível automatizar funções e auxiliar o gestor a visualizar o que deve ser priorizado nos planejamentos. Conheça agora.

 

Confira outras notícias

Software de Gestão, Controle de Frotas
Automação Comercial
© 2017 Appelsoft.
Política de Privacidade Termos de Uso Fale Conosco Página Inicial Ir ao Topo
Site produzido pela Netface